Goioerê, sexta-feira, 24 de maio de 2024 ESCOLHA SUA CIDADE

Região

17/04/2024

Com apenas 5 casos, Rancho Alegre do Oeste mantém vigilância para evitar a proliferação da dengue

Com apenas 5 casos, Rancho Alegre do Oeste mantém vigilância para evitar a proliferação da dengue

Segundo o boletim divulgado nesta terça-feira (16) pela Secretaria de Estado da Saúde, o município de Rancho Alegre d’Oeste registrou apenas 5 casos de dengue. Ao lado de Altamira do Paraná, é o município com o menor número de casos na região da Comcam, que já acumula quase 17 mil casos entre os 25 municípios.

Esses números são fruto do trabalho incansável desenvolvido pelo Departamento de Saúde de Rancho Alegre d'Oeste, que vem redobrando os cuidados na prevenção da dengue. Ações como arrastões de limpeza e visitas domiciliares para eliminar focos do mosquito transmissor e orientar a população têm sido fundamentais.

A secretária de Saúde, Dayana Rodrigues, ressalta a importância da união da população para manter a prevenção, especialmente em um período propício à proliferação do Aedes aegypti. "Estamos em um momento em que as chuvas aumentam, favorecendo a proliferação do mosquito. Para evitar isso, precisamos conscientizar a população sobre a prevenção, que depende de medidas efetivas de controle do vetor", enfatiza Dayana.

Ela destaca que a prevenção da dengue envolve evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti, eliminando água armazenada que possa servir como criadouro. Locais como vasos de plantas, pneus, garrafas plásticas, piscinas sem uso e sem manutenção, e até mesmo recipientes pequenos, como tampas de garrafas, podem se tornar criadouros. "Evitar a água parada é a melhor forma de prevenção. Por isso, é fundamental a participação consciente de toda a população", alerta Dayana.

O prefeito Cássio Zanuto enaltece o trabalho desenvolvido pela equipe da Saúde e dos demais departamentos da Prefeitura. “É um trabalho conjunto e com o apoio da população que vem dando certo. Para que esses números continuem em baixa, precisamos manter a vigilância e as ações preventivas”, ressaltou.

 

CLIQUE NAS IMAGENS ABAIXO E SAIBA MAIS

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS
PUBLICIDADE

Fonte: GOIOERÊ | CIDADE PORTAL | ASSESSORIA DE IMPRENSA

OPINE!

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. © 2017. Todos direitos reservados.

Desenvolvido por Cidade Portal