Goioerê, sábado, 15 de dezembro de 2018 ESCOLHA SUA CIDADE

Brasil

09/10/2018

OUTUBRO ROSA: 7 exames que toda mulher precisa fazer

OUTUBRO ROSA: 7 exames que toda mulher precisa fazer

Manter seus exames em dia é essencial para garantir que seu organismo está em pleno funcionamento e para detectar doenças perigosas logo no início.

Em meio à correria do dia a dia, muitas vezes damos prioridade ao trabalho, à família e a outros compromissos e acabamos nos esquecendo de cuidar de nós mesmos. Em conseqüência, adiamos consultas e exames importantíssimos.

Isso, porém, é um hábito que traz muitas ameaças à nossa saúde, pois muitas doenças se desenvolvem de forma silenciosa, apresentando sintomas em fases tardias, quando o tratamento não é mais tão eficaz – como no caso do câncer.

Por isso, nós separamos os 7 principais exames que toda mulher precisa fazer. Saiba mais sobre cada um deles:

1. Exame pélvico e das mamas

Este é um dos exames feitos no consultório do ginecologista. Ele consiste na avaliação visual do colo do útero e das mamas, seguida pelo toque e a apalpação desses órgãos em busca de corrimentos, hemorragias, infecções, nódulos e outras anormalidades.

Ele também pode diagnosticar a endometriose e a doença inflamatória pélvica. O exame pélvico e das mamas é recomendado anualmente para mulheres acima dos 20 anos ou a partir do início da vida sexual.

2. Papanicolau

O Papanicolau é o exame preventivo para o câncer de colo do útero, o terceiro mais comum entre as mulheres e a quarta causa de morte entre a população feminina no Brasil de acordo com o INCA.

Ele consiste na coleta das células internas e externas do colo do útero usando uma espátula e uma escovinha. Algumas mulheres relatam sentir certo desconforto durante o exame, mas ele é passageiro e pode ser bem mais suave se a paciente estiver relaxada.

O Papanicolau pode indicar doenças como candidíase, tricomoníase, clamídia, sífilis e gonorréia, infecções causadas pelo vírus HPV (que aumentam o risco de câncer), lesões de baixo grau (que podem se tornar um câncer) e tumores já instalados.

Este exame deve ser feito por mulheres a partir dos 25 anos, que já iniciaram a vida sexual, até os 64 anos. Os dois primeiros exames devem ser feitos anualmente e, depois, a cada três anos ou conforme a solicitação médica.

3. Ultrassom transvaginal

Este exame consiste na inserção de uma sonda pelo canal vaginal para capturar imagens de todo o aparelho reprodutor feminino, incluindo útero, ovários e tubas uterinas.

Ele pode ser feito com diversos objetivos, dependendo da fase da vida da mulher. Assim, a ultrassonografia transvaginal pode ser solicitada para diagnosticar miomas e tumores, para avaliar o ritmo da ovulação ou para confirmar a gestação. 

Para mulheres que estão em tratamento para engravidar, o ultrassom transvaginal permite avaliar o crescimento dos folículos (que abrigam os óvulos durante sua maturação) e também indica o melhor momento para realizar a fertilização.

4. Exames laboratoriais

Os exames de sangue são indicados a partir da primeira menstruação e devem ser feitos anualmente durante toda a vida. Eles medem indicadores como glicose, colesterol, triglicerídeos, enzimas do fígado, função renal e hormônios da tireoide, entre outros.

Assim, os exames laboratoriais permitem indicar e monitorar uma série de condições, como diabetes, dislipidemia (colesterol alto), hipo e hipertireoidismo, insuficiência renal, problemas no fígado, risco cardiovascular e uma diversidade de outras doenças.

5. Eletrocardiograma

O eletrocardiograma é o exame que verifica a frequência cardíaca e permite identificar problemas relacionados ao coração, que podem aumentar o risco de infarto. Recomenda-se fazer a partir dos 35 anos ou conforme o critério médico.

O exame é feito tanto em repouso quanto em movimento (o popular “teste de esforço” ou “teste de esteira”), de forma que os batimentos cardíacos possam ser avaliados nesses dois estados físicos.

6. Densitometria óssea

A osteoporose é uma doença que leva ao enfraquecimento dos ossos, elevando o risco de fraturas em idosos. Embora os homens também possam desenvolver essa condição, ela é muito mais comum em mulheres depois da menopausa devido à queda dos hormônios.

A densitometria óssea é o exame que diagnostica a osteoporose desde seus estágios mais precoces, indicando a necessidade de tratamento ou medidas de prevenção. Trata-se de uma técnica não invasiva que utiliza a absorciometria por raios-X com dupla energia (DEXA).

Para mulheres com baixo risco, o exame é indicado a partir dos 65 anos. Para mulheres que não fizeram reposição hormonal, são fumantes, têm histórico familiar de fraturas ou fizeram tratamentos prolongados com corticoides, recomenda-se fazer a partir dos 50.

7. Mamografia

A mamografia é o principal exame para a detecção precoce de alterações nos tecidos mamários, permitindo a identificação de um câncer em fase inicial – o que diminui a agressividade do tratamento, aumenta as chances de cura e reduz a mortalidade.

Este exame é indicado para mulheres de 50 a 69 anos, com frequência bianual. Porém, o médico oncologista ou mastologista poderá solicitar a mamografia mais cedo em caso de suspeita ou para mulheres com risco elevado para câncer de mama.

Quando a mama já apresenta uma alteração, a espera pelo resultado gera muita ansiedade na paciente, por isso o ideal é reduzir o tempo entre o exame e o diagnóstico.

Uma das melhores formas de fazer isso é com um serviço de telerradiologia, capaz de emitir resultados em minutos ou horas conforme a urgência do exame. Dessa forma, evitam-se os transtornos e o estresse no intervalo entre o exame e o diagnóstico.

Consulte seu médico pelo menos uma vez por ano e converse com ele sobre a necessidade de fazer esses exames. Sua vida é preciosa! Cuide-se!

 

 

Fonte: GOIOERÊ | CIDADE PORTAL | Maria Gabriela Ortiz

OPINE!

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. © 2017. Todos direitos reservados. Jornalista Responsável - Jairo Tomazelli - 0011632/PR

Desenvolvido por Cidade Portal